BIG episódio 1

Vou começar a falar de episódio por episódio principalmente nesse drama (e de dramas mais interessantes), porque todos os 6 episódios que assisti me deixaram MALUCA para continuar assistindo ~todo o tempo~ e vendo as caras e bocas e criancices do Gong Yoo. Se em Coffee House eu achava Gong Yoo mais ou menos em termos de atuação, digo que agora ele me conquistou grandemente com essa sua atuação memorável e que com certeza o consagrará com ótimo ator coreano. etc, etc.

A verdade é que é mais um drama das irmãs Hong e que, coisa boa vem por aí (ou não). Se eu te disser que sempre vejo gente falando bem dos dramas das irmãs Hong e automaticamente vou falar também é uma coisa estranha. Se eu disser que elas são boas nisso e te der um episódio de My girlfriend is gumiho para ver, você me ignorará para o resto da sua vida. Mas se eu te der The greatest love e You’re beautiful, então você amará as irmãs Hong do fundo do seu coração. Elas são boas, mas elas seguem ‘regras’, ‘marcas registradas’ que estão em todos os seus dramas (funciona). Uma coisa boa é que elas sabem conduzir muito bem as histórias de seus dramas. Se levarmos em consideração o final de My girlfriend is gumiho (história sobrenatural) e acharmos que Big terá o mesmo fim, bom, estamos na merda.

Mas o que me agradou (eu não viu nenhuma resenha ou sinopse antes de começar a ver o drama) foi a história se desenrolar de uma forma inesperada (no início achamos que o romance será após o casamento com o médico de 30 anos e depois gostamos das criancices do menino de 18 anos e depois simplesmente pensamos “e agora o que acontecerá?!?!”).

Eu diria que, como uma grande leva de novas produções que estão por aí (The King 2 Hearts, Fashion King, Love Rain) esse também apresentar um quê a mais na produção, com melhor fotografia e mais construções de planos, posições de câmera e efeitos, dando aos dramas um ar mais sofisticado, quase contos de fada. Estão chegando ao patamar de produção de filme (de um bom filme), mas em dramas e ~ quem ganha ~ com isso somos nós. (zes). Mas, há quem não goste.

Começamos com Lee Min Jung como Kil Da Ran e ela está fazendo uma entrega de buquê de flores em um casamento. Ela reconhece a noiva, que foi uma amiga de classe e que não a convidou para o casamento. Mas como convidada, ela ainda tem o direito de de pedir um vale-refeição e comer também, afinal, (ela reclamando consigo mesma) não fosse ela não ser passado no exame (certificado para ser professora) ela já teria conseguido um marido. Isso à parte, estaria tudo bem não fosse seu chefe ligar e dizer que o buquê foi trocado e que precisariam dele de volta. Então, ela se preparou para pegar o buquê com todas as outras amigas da noiva, e nesse caso, ela realmente precisava pegá-lo!

Na ânsia de obter o buquê de flores ela avança para trás e um braço atravessa o seu caminho. Eis o nosso lindo e maravilhoso Gong Yoo com uma aparição lenta e com direito a trilha musical e tudo!

Então, uma narração em rádio corta o barato dessa história para dizer que “Foi assim que eles se conheceram”, ela quebrou o cóccix e o punho e passou 2 meses no hospital. Ele, Seo Yoon Jae, médico que tratou dela, começou a namorá-la e vai se casar com ela dentro de 1 mês. Seria realmente uma história de rádio, não fosse, os dramas mesmo nos fazerem acreditar nesse tipo de coisa e eles mesmos logo em seguida, nos dar um banho de água fria dizendo “nem toda história perfeita está realmente certa”.

Agora, está chovendo e Da Ran está no ônibus ouvindo sua história de amor, toda feliz porque ganhou uma panela de pressão, e Kang Kyung Joon (Shin Won Ho) a está observando em um banco ao lado. Quando ela percebe acha que está sendo admirada e de repente, quando ela desce no ponto, ele a segue. Ele coloca a mão sobre a dela e a olha imponente, entre eles já uma discussão que oscila entre perseguidor, admirador e guarda-chuva. Na verdade, Da Ran ao sair do ônibus acabando levando o guarda-chuva errado, ou seja, o de Kyung Joon.

Kyung Joon é mais um típico adolescente de 15 anos do que de 18 anos. Insolente, criança, provocador e muito muito teimoso e respondão! Soma-se a isso a personalidade da professora substituta, aqui ficamos sabendo que Da Ran é professora substituta e ela e Kyung Joon estão indo para o mesmo lugar, a mesma escola. A personalidade dela é adaptável e compreensiva, o que quero dizer é que como professora ela consegue lidar com os mais jovens e é isso também que atrai na relação aluno/professor, é quase uma questão matriarcal.

Quando Kyung Joon vê que Da Ran também entra na mesma escola que a sua, ele diz “Uh-oh” – bordão que ele irá repetir ao longo do drama. Kyung Joon é um aluno transferido que chegou dos EUA.

Da Ran tem uma diretora (Kim Young Ok) que é impossível de se agradar, e ela está sempre atrasada, molhada ou causando quando a diretora quer silêncio e responsabilidade. A diretora pede que Da Ran apresente a escola para Kyung Joon, Da Ran recebe uma ligação de Yoon Jae, que diz que está ocupado a chama para jantar no hospital. Da Ran enquanto fala ao celular faz coraçõezinhos com o dedo na janela, na mesa… Kyung Joon percebe que a história do rádio era dela e ela pede para que ele não conte às pessoas.

Kyung Joon salta pela sala em um estilo le parkour de ser e encontra Gil Choong Shik (Baek Sung-hyun) que puxa assunto com o “transferido”, ele e dois amigos, os maus-idiotas do colégio, Kyung Joon responde em inglês e então Choong Shik diz: “My name is Gil Choong Shik. Are you… can… Korea?” (epic) rsrs

Kyung Joon o chama de “Stupid” e Choong Shik também não sabe o que isso significa. Choong Shik começa a comprar briga então Da Ran aparece e ela mesma bate em Choong Shik (seu irmão), Kyung Joon olha de longe com curiosidade/saudade da afeição  entre familiares.

Kyung Joon vai para casa, uma grande casa vazia e sem ninguém. Ele come pizza congelada, bebe refrigerante, forever alone. Enquanto isso, Da Ran vai para o hospital e vê Lee Se Young (Jang Hee-jin) uma médica amiga de Yoon Jae. Da Ran espera Yoon Jae em um quarto de Yoon Jae no hospital, ela coloca uma foto deles no mural entre outras fotos dele com os amigos. (É estranho. Eles vão se casar em um mês e ele não tem fotos dela?)

Da Ran senta na cama e tem um flash back deles juntos sentados no mesmo lugar. Yoon Jae parece reservado, doce, um pouco tímido, mas natural. A atenção dela é despertada para uma caixa (dos convites de casamento) ainda fechada embaixo da cama. Ela mesma o desculpa, por ele ser alguém ocupado, mas também se pergunta se nem curiosidade ele teve de ver os convites. Ela acaba indo embora e Yoon Jae vê um bilhete dela dizendo que amanhã eles irão comprar o mobiliário. Yoon Jae faz uma cara de mau estar. (perigo perigo)

Voltamos para Kyung Joon vendo uma moto que seu tio comprou para ele, então sabemos que a mãe de Kyung Joon morreu recentemente e essa moto foi comprada com o dinheiro de sua herança. Vemos que o tio e a tia dele estão de olho no seu dinheiro e que ele tem uma cama de madeira em forma de carrinho que ganhou de sua mãe quando criança e ele não quer trocá-la. Seus tios falam para que ele compre outra cama, porque ele já é grande demais para aquela cama.

Kyung Joon vai a uma loja de móveis comprar uma cama nova. Ele disse ao vendedor que só vai comprá-la se conseguir dormir na cama. Então ele escolhe uma cama e deita sobre ela. Chega Da Ran, sozinha, para comprar a mesma cama em que Kyung Joon está deitado. Ela tenta convencê-lo de que aquela cama não é tão boa assim, tanto que ela mesma acaba se pendurando e quebrando a cama – então, ela acaba comprando a cama quebrada.

Da Ran, supersticiosa, leva Kyung Joon para almoçar e para fazê-lo comprar sua cama com desconto. Ele diz para ela que é órfão, sem parentes que comprem a cama para ele. Então novamente Yoon Jae liga para Da Ran se desculpando por não ir e ela faz coraçõezinhos novamente.

Se Young vê a foto de Yoon Jae e Da Ran no mural e joga fora. Então sabemos que Se Young tem interesse em Yoon Jae. Então Yoon Jae está com seus amigos e ela pergunta se os convites de casamento já chegaram. Ele diz que não e ela sorri.

No dia seguinte Da Ran vê Kyung Joon ser chamado atenção por estar sem uniforme. Ela presume que ele não tem dinheiro para comprar já que é órfão. Então ela consegue um uniforme e entrega para ele. Kyung Joon, diz para si mesmo que nunca disse que era pobre, mas parece muito contente com o gesto dela.

Yoon Jae está com uma cara de preocupado e muito pensativo olhando uma passagem de avião para LA e coloca no meio do livro Miracle.

Da Ran começa a aula e seus alunos fazem piadas a respeito da sua história na rádio e do seu cóccix quebrado. Kyung Joon olha apreensivo, mas é Choong Shik que parte para cima dos engraçadinhos para defender a irmã. Da Ran, ao fim da aula, diz a sua amiga Ae Kyung que se sentiu constrangida. Fez ela perceber que só conseguiu Yoon Jae porque estava machucada e não por seus dotes próprios, uma vez que ele é um médico e ela apenas uma professora substituta. Isso a deixa balançada e ainda espera Yoon Jae para ver a casa onde irão morar, na ânsia de que ele dê outra desculpa ela fica checando o celular.

Chorando e descontrolada, ela atende o celular quando ele liga e diz que lembra de suas palavras quando ele propôs o casamento. Ele disse que sentiu pena e estava indo para “assumir a responsabilidade” sobre ela, que dá a impressão de ser somente por obrigação pura (impressão? será?). Da Ran pergunta: “Você realmente me ama? Se você não, você não tem que se casar comigo” e desliga na cara dele.

Kyung Joon está vendo tudo de longe e sorri dizendo: “Not bad.” (rsrs) Mas então ela se pergunta “O que eu fiz?” e tenta mandar uma mensagem para Yoon Jae. Nisso Kyung Joon se aproxima e tira o celular dela. Ele a leva de moto para “esfriar a cabeça” em frente a um lago. Ela agradece, mas o lembra que foi ele quem disse sobre a história da rádio para a classe. Ele se zanga dizendo que é inocente e não é como os colegas de classe. Ela diz que criança é tudo igual.

Kyung Joon diz “nossa deve ser tão bom ser mais velho” com sarcasmo, mas a frase sai errada e ela o corrige. Ela começa a zoá-lo dizendo que ele deve saber das modinhas na escola, como a dancinha dizendo “obrigada, obrigada” e o que é “puing-puing” (segunda referência ao sitcom High Kick, a primeira foi quando Choong Shik não sabia o que era Stupid e um amigo lhe disse “Krystal dizia essa palavra o tempo todo”). Eles são interrompidos por uma ligação e é Yoon Jae querendo saber onde ela está que ele irá até ela.

Da Ran fica toda empolgada esperando Yoon Jae chegar para dizer que a ama. Então Kyung Joon vai embora de moto e checa na carteira com a mesma imagem de dois querubins dando as mãos do livro Miracle de Yoon Jae. Nós temos então cenas do trânsito, de carros na estrada. Oh-ou.

Um carro tenta ultrapassá-lo e vai pela contramão, um carro vem na direção oposta e então colidem e bloqueiam a estrada, Yoon Jae e Kyung Joon irão colidir também com os carros, mas tentam desviar e ambos caem no rio.

Kyung Joon cae na água inconsciente, enquanto Yoon Jae tenta sair de dentro de seu carro, que rapidamente se enche de água. Ele finalmente consegue sair e nos deixa aliviados,  quando está subindo para superfície da água e vê Kyung Joon afundando. Então Yoon Jae volta para salvá-lo e temos (lindo, muito lindo) a recriação da pintura Miracle dos querubins que os dois têm.

Na cena seguinte estamos no hospital. Da Ran chega e recebe a notícia de que tem um corpo para ser identificado no necrotério no meio do caminho ela para sem reação. Dentro do necrotério, Yoon Jae se levanta e olha para parede espelhada e não acredita no que vê. Yoon Jae sai da sala do necrotério e vê Da Ran chorando no chão do corredor. Quando ela o vê, o abraça e disse que estava com medo de que ele tivesse morrido.

Mas ele empurra e pergunta: “Eu sou … quem? Gil Da Ran, quem você disse que eu sou? Teacher. (ele costuma chamá-la de teacher) Eu sou… Kang Kyung Joon.” Ela pergunta como ele sabe de Kyung Joon. Ele revela que houve esse acidente na estrada, e ele tinha caído na água, e quando acordou estava tudo assim. Então, ele tem outro pensamento: “Onde estou” (perguntando sobre seu próprio corpo) ele corre de volta para necrotério para procurar.

Ele vê um corpo deitado e começa a gritar horrorizado (é engra) “Este sou eu? Será que eu morri? Eu sou apenas 18 anos.” Então ele tira o lençol sobre o corpo e desvia o olhar e não é o corpo de Kyung Joon.

Da Ran pergunta sobre o que está acontecendo, se ele se lembra do que ele ia dizer quando estava indo vê-la e ele, simplesmente diz: “Puing-puing”. (haha) Ela fica desapontada, dizendo que ela queria que ele dissesse que a amava. Ele diz insistentemente: “Não, Teacher Gil, você me disse para dizer “puing-puing”.

Kyung-joon enfrenta seu novo corpo no espelho, batendo o rosto e perguntando onde seu corpo foi parar. Em seguida, ele ouve a voz de seu tio perguntando sobre ele na recepção, e segue tio e tia, em uma sala, onde seu corpo está inconsciente e não responde.

Da-ran vai à procura de seu noivo e ouve um médico falando com os tios de Kyung Joon. Ela vê Kyung Joon inconsciente deitado em uma cama de hospital, ea  coincidência é o suficiente para fazê-la se perguntam se Yoon Jae realmente poderia ter dito a verdade.

Ela vai para seu apartamento e escritório, mas ele não está lá. Então ela liga para um professor para perguntar sobre o endereço KyungJoon. Ela encontra a porta aberta e um rastro de roupas de hospital no chão. Yoon Jae está na cama de criança de Kyung Joon. Ele abre os olhos, e eles se olham por um longo tempo. Ela pergunta: “Kang Kyung Joon?”

Ele diz: “Sim, Teacher Gil Da Ran.” E TA-DAN.

Eu só tenho a dizer: diferente e interessante, me fez ficar curiosa sobre o que acontecerá a seguir. A atuação de Da Ran é fraquinha, mas a personagem dela é isso, é um monte de coisas acontecendo com ela e ela só tem que “reagir” e não “agir”. Todas as nossas atenções se concentram em Gong Yoo e ele está impecável, não tem como não se apaixonar por ele, ele tem carisma, charme e personalidade que o fará um personagem inesquecível. No começo fiquei preocupada em ver como os atores principais se manteriam firmes (Gong Yoo e Shin Won Ho) em fazer um personagem só e nos convencer de que são a mesma pessoa. Mas Gong Yoo mantêm a graça (nos próximos episódios) que Shin Won Ho estabelece para o personagem nesse primeiro episódio.

O 5° e o 6° episódio me deixaram chatiada! A história está se desenrolando de modo estranho! Mas o personagem de Gong Yoo vale toda a pena de assistir! Não tem muita história de personagens secundários, o tempo todo estamos com os personagens principais. Por um lado isso é bom. Mas por outro, eles ainda estão fraquinhos em ‘romance’.

Sobre migraziele

Tamires, ou migraziele, tem 22 anos e é estudante de arquitetura e urbanismo. Gosta da Coréia do Sul, dos coreanos, dos doramas e de cultura asiática em geral. Gosta de livros, café, fotografia, moda e de viajar como dois terços da internet.
Esse post foi publicado em BIG, K drama e marcado , , , . Guardar link permanente.

13 respostas para BIG episódio 1

  1. Lukas disse:

    Grazi :D, verei BIG agora mesmo, minha net felizmente me ajudou a baixar, estava louco por esse drama desde que soube que teria a Bae Suzy e que seria das Hong, e de bonus tem a Lee Min Jung que admiro desde Midas, e o Goong Yoo que nunca vi nada com ele (#vergonha), li um pouco por cima pq nn quero spoilers, mas que bom que vc está gostando, Quero só ver como isso terminará!

    Nem sei, se esse coment funcionará, recentemente tenho problemas em comentar aqui :S

    • migraziele disse:

      Estranho isso! Não sabia que dava ~problemas~ para comentar.
      A Suzy está muito fofa no drama! Acredito que irá gostar sim! O único porém é que ela tem um personagem um pouco secundário (até agora)…
      #sumidohein

      rsrs

      • Lukas disse:

        Sim muito sumido, já tentei varias vezes comentar aqui mais nada, pedia pra me fazer login no WordPress e depois quando colocava pra me registrar pedia pra me criar um blog (pelo amor, mal dou conta de um, rrsrs)… tive a ideia de trocar o e-mail e funcionou 😀

        Gente, como assim personagem secundário?, ela foi dita como protagonista em todas as noticias…., ela é o que?, a noiva (namorada) que volta pra estragar tudo?, nn vou ver mais BIG hoje, nn vai dar :/

        Prometo que nn sumo mais ^^

      • migraziele disse:

        Ela é a namorada q volta pra estragar tudo kkkkk’ isso mesmo. Mas não tem como sentir raiva dela, ela não é vilã! E ela mantém um pouco da personagem que tinha em Dream High, um pouco metida, arrogante, decidida. Não exatamente secundário, mas até agora ela teve pouco espaço! (mas no 6 a história muda um pouco ~sem spoiler~ e acho q a participaçao dela será maior)

  2. Tuliana disse:

    Oi, sou a Jéssica (geralmente eu comento aqui como Tuliana) do estórias e reflexões. Só queria te informar que agradeço pela sua indicação ao MEME das 11 coisa e já o respondi.
    Agora mudando de assunto, estou louca pra ver esse drama. Gosto muito do Goong Yoo desde Coffee Prince ele é muito lindo! Tentei baixar o 1º ep mas não consegui minha internet tava horrível…e sem falar que o Ohayo (que é onde eu baixo a maioria dos dramas) ainda está no 2 ep. Onde vc está baixando que já está no 6 ep? Bem, de qualquer jeito eu vou assistir esse drama!

  3. Pers disse:

    Gente que enredo é esse? Adorei!!!

  4. Confesso que não estava muito afim de ver essa drama, até porque quando muitos elogios eu fico em dúvida HAHAHA
    Depois de ler sua opinião sobre o ep. 1 vou correndo baixar, achei muito divertido! E bom, eu adoro as irmãs Hong (;

  5. Suzi disse:

    GEENTE, me interessei pela história. Parece meio clichê.Principalmente por causa do casal. Comédia romântica? Eu quero >.< Apesar de não ver muita coisa no estilo. Ainda sou novata no mundo dos doramas

  6. Edinalva disse:

    just amazing to see the post like that.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s